domingo, 23 de agosto de 2015

Assim será difícil

Ao terceiro jogo oficial, o Benfica continua a denotar uma grande carência ao nível dos princípios de jogo: não se percebe bem qual o modelo, há um grande nervosismo e muita atrapalhação entre os jogadores, pouca certeza no passe e uma enorme insegurança defensiva. Hoje até criámos inúmeras oportunidades de golo mas por esta ou aquela razão não fomos capazes de marcar. Rui Vitória apostou tudo (acabámos o jogo com apenas 3 jogadores de características defensivas e 7 atacantes, algo que eu não me lembro de alguma vez ver num jogo de futebol e que elogio, porque acho que era o que havia a fazer) mas faltou sempre qualidade no último passe ou na finalização.
 
Claro que é muito cedo e que nada ainda está perdido (a não ser a supertaça) mas 2 derrotas em 3 jogos oficiais começa a fazer soar todos os sinais de alarme.
 
Voltando ao jogo desta noite, insisto em que a falta de segurança defensiva é algo de preocupante que não tem que ver com a escolha dos jogadores mas com os posicionamentos. Claro que no início da época há sempre muitas arestas por limar, o problema é que se isto acontece com o Arouca então vamos perder muitos pontos esta época. Nos primeiros 15 minutos poderíamos ter sofrido pelo menos 3 golos (há duas defesas gigantes de Júlio César com as pernas). Aos poucos começámos a criar jogadas perigosas e até entrávamos na área do Arouca com grande facilidade mas depois faltava sempre aquela qualidade que define os lances. Jonas e Gaitan, os nossos melhores jogadores, estiveram mal neste capítulo, tornando muito difícil podermos virar o jogo, tanto mais que o guarda-redes do Arouca estava inspirado. 
Insisto porém em que jogámos com o Arouca, uma equipa esforçada mas muito limitada. Com jogadores da qualidade dos que temos, a equipa teria que fazer muito mais e é isso torna o futuro realmente sombrio.
 
Ao intervalo saiu Ola John (que até estava a ser dos melhores) e entrou Vitor Andrade. Vitória terá dito aos jogadores para terem calma e não tentarem resolver demasiado depressa. O problema é que a equipa passou apenas a jogar mais lento e não melhor e o fim do jogo tornou-se penoso para nós: os jogadores não sabiam o que fazer à bola e Vitor Andrade tentava assumir o jogo e resolver sozinho, o que não era a melhor opção mas se compreendia face à falta de soluções ofensivas. A entrada de Carcela só atrapalhou ainda mais o nosso futebol, com este e Gaitan a trocarem a bola na mesma zona do terreno sem progressão e Jimenez quase não teve oportunidades para resolver uma vez que a equipa não utilizou o futebol directo que dois pontas de lança de área pediam. Porquê? Talvez por falta de instruções claras acerca do que deveria ser feito mas também - certamente - porque ninguém queria assumir a responsabilidade de centrar a bola para a área. Nélson Semedo foi dos que se mostrou mais e pediu bola para o fazer mas o serviço aos pontas de lança nunca foi suficientemente bom.
 
Em suma há muito trabalho pela frente mas este resultado vem colocar mais dúvidas acerca do que está a ser feito. 
 
Enfim, são algumas notas soltas que procuram fazer algum sentido do jogo mau a que acabei de assistir e que me deixou, tal como a todos os benfiquistas, muito desapontado e preocupado. 
 

9 comentários:

  1. Este jogo deixou-me poucas dúvidas que estamos a fazer uma grande equipa.
    Jogámos bem, melhor do que com o Estoril, 30 remates mas a ansiedade tolheu-nos o raciocínio.

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Houve um árbitro que fez o frete. Um pênalti por marcar, um jogador por expulsar, um golo mal anulado, incontáveis perdas de tempo para quebrar o ritmo atacante do Benfica com a cumplicidade do árbitro.
      Árbitro ao nível de Marco Ferreira.

      Eliminar
  4. Opáh, trava este troian lagarto encartado que escreve em todos os nossos blogs a falar mal do Glorioso. Uma coisa é a diferença, outro o insulto gratuito.
    O rapaz está a soldo só para atacar o SLB.
    Somos masoquitas, é?
    Benfica 360º

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É um jihadista lagarto a soldo do Nalgas Gordas.

      Eliminar
  5. Ó cabeçudo avençado pelo badocha só para falar mal do Benfica na blogosfera, vai para o buracol, lá para os lados do campo pequeno. Seu touro trasvestido de boi.
    Vês mal. Deve ser andares sempre com a cabeça baixada de tanto marrares com o vermelho, seu espécime taurino.
    Vens tu falar em chorões... Também apedrejaste o carro do árbitro, "ser diferente"?
    Épá deixem lá de aceitar comentários deste e outros taurinos sapeiros, sff.
    Benfica 360º

    ResponderEliminar
  6. Os comentários são publicados automaticamente. Mas como é evidente não admito insultos contra mim e especialmente contra o Benfica, removendo-os assim que os detecto, como já foi o caso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito bem Glorioso Frank.
      E deixarem de ser automáticos? Estes tipos sabem ao que vêm.
      São uns parasitas pagos para criar instabilidade e divisionismo na nação benfiquista.
      Alerta total para os habituais esquemas manhosos e merdosos do badocha do car(v)alho.
      Benfica 360º

      Eliminar

Os comentários são agora automaticamente publicados. Comentários insultuosos poderão ser removidos.